Delação de Cunha não é descartada por procuradores

Um eventual acordo de delação entre o deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o Ministério Público Federal ainda é uma opção para procuradores. A cúpula da instituição acredita que o peemedebista pode cooperar com as investigações, segundo informações do colunista Lauro Jardim.

Na avaliação dos procuradores, no entanto, seria necessária a apresentação de uma proposta consistente. Caso ocorra o acordo, a expectativa é de que o deputado traga fatos novos e, principalmente, nomes de altas figuras da República ainda não implicadas na Lava Jato e em outros esquemas de corrupção.

Na semana passada, porém, depois de recorrentes, o peemedebista afirmou que “repudia e desmente veementemente” o acordo. Desafetos de Cunha lembraram que ele também negava que renunciaria à Presidência da Câmara, o que acabou acontecendo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.