PAC investiu mais de R$ 547,5 bilhões em três anos

O Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão divulgou o novo balanço do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC, com um panorama dos investimentos entre 2015 e dezembro de 2017, em que registrou mais de R$ 547,5 bilhões aplicados. O PAC é o responsável pela gestão, execução e acompanhamento de milhares de empreendimentos pelo País.

O Programa contempla dezenas de empreendimentos e infraestrutura logística. Houve um acréscimo de mais de 8% na movimentação portuária, que ultrapassou a cifra de um bilhão de toneladas no ano de 2017. Por isso, os recursos foram aplicados em dragagens, acessos terrestres e obras em cais. Na área de Defesa, os investimentos reforçaram a Base Industrial da Defesa com o incentivo aos diversos projetos das Forças Armadas.

Em transporte rodoviário, foram investidos em obras de implantação, pavimentação, adequação e duplicação de rodovias que totalizam 8.816,21 km. As obras incluem, ainda, integração da malha ferroviária e melhorias de hidrovias e aeroportos – destaque para as obras nos terminais Macaé/RJ, Londrina/PR, Lages/SC; Vitória/ES; e Rio Branco/AC.

No eixo de infraestrutura energética, os empreendimentos de geração acrescentaram 19.345 MW de potência instalada ao Parque Gerador Nacional. E em Petróleo e Gás, a média de produção foi de 3,32 milhões de barris de óleo equivalente por dia. Na indústria naval, os investimentos do Fundo Marinha Mercante possibilitaram a conclusão de 276 empreendimentos, com destaque, em 2017, para 63 balsas e 4 empurradores.

Diversas áreas de investimento

No eixo de infraestrutura social e urbana, por meio do programa Minha Casa Minha Vida, mais de 1,6 milhão de unidades habitacionais foram entregues, beneficiando cerca de 6 milhões de pessoas. Com o programa Luz para Todos, que dá acesso a serviço de energia elétrica às populações em áreas rurais e remotas País afora, foram realizadas 188.627 ligações. Vários outros eixos também receberam investimentos do PAC.

De acordo com o advogado e professor de Direito Jorge Ulisses Jacoby Fernandes, o PAC foi criado no ano de 2007 como uma forma de impulsionar a execução de grandes obras públicas no Brasil.

“O programa atua nas áreas de infraestrutura social, urbana, logística e energética do País. Por meio do PAC, recursos são disponibilizados para a efetivação das políticas públicas de Estado no Brasil. As áreas de investimentos são primordiais para impulsionar a melhora da economia, motivar o investimento de estrangeiros e incentivar o brasileiro a consumir”, afirma Jacoby Fernandes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.