Principais noticias dos jornais nacionais de Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

Manchete do jornal O Globo: Lava-Jato terá cooperação inédita entre Brasil e Uruguai

Manchete do jornal Folha de S.Paulo: Serra deixa o governo por problema de saúde

Manchete do jornal Valor Econômico: Governo reduz conteúdo local e extingue ‘waiver’

 

Uma pessoa incomum é o título de artigo de Bernardo Mello Franco sobre Sarney

Em junho de 2009, José Sarney balançava no trono de presidente do Senado.

O imortal estava acossado pelo escândalo dos atos secretos. Era acusado de ocultar portarias em que distribuía cargos para parentes e aliados.Em viagem ao Cazaquistão, o então presidente Lula saiu em defesa do antecessor. Criticou a imprensa, reclamou do “denuncismo” e soltou uma frase que ficaria famosa : “Sarney tem história no Brasil suficiente para que não seja tratado como se fosse uma pessoa comum”.

Oito anos depois, o peemedebista continua a ser tratado como uma pessoa incomum. Foi o que indicou o Supremo Tribunal Federal ao proibir o juiz Sergio Moro de analisar todas as menções ao ex-senador na grampolândia de Sérgio Machado.

http://equilibreanalises.com.br/editorial/2017/02/23/uma-pessoa-incomum-e-o-titulo-de-artigo-de-bernardo-mello-franco-sobre-sarney/

 

Declaração sobre voto do PMDB na Previdência abre polêmica, diz O Globo

Causou mal-estar entre os partidos da base aliada e entre o próprio PMDB a declaração do ministro Moreira Franco de que o PMDB não precisa fechar questão em relação à reforma da Previdência, publicada ontem em entrevista ao jornal “Valor Econômico”. A proposta de mudança no sistema previdenciário é considerada a mais delicada pelo governo do presidente Michel Temer no Congresso. Líderes desses partidos dizem que o PMDB, partido de Temer, tem que dar o exemplo de apoio incontestável, senão afrouxará a posição de quem tem dificuldade com suas bases na votação de pontos impopulares.

http://equilibreanalises.com.br/noticias/2017/02/23/declaracao-sobre-voto-do-pmdb-na-previdencia-abre-polemica-diz-o-globo/

 

Moreira Franco e Jucá fazem confronto público, diz o Estadão

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco, e o líder do governo no Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), protagonizaram nesta quarta-feira, 22, um confronto público, escancarando uma disputa travada há tempos, nos bastidores.

Moreira e Jucá são articuladores políticos do Palácio do Planalto e a discussão, que começou com a reforma da Previdência, chegou ao gabinete do presidente Michel Temer. “Nosso partido não tem tradição leninista”, afirmou o ministro. Moreira já vinha demonstrando descontentamento com Jucá, presidente do PMDB, por causa das declarações do colega contra a Lava Jato, que, na sua avaliação, causam embaraços a Temer.

http://equilibreanalises.com.br/noticias/2017/02/23/moreira-franco-e-juca-fazem-confronto-publico-diz-o-estadao/

 

Para visualizar todas a noticias dos jornais nacionais, visite a pagina do site Equilibre Analises

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.