Bic pede desculpas por propaganda sexista no Dia Nacional da Mulher na África do Sul

Em uma página no Facebook sul-africano, a fabricante da canetas Bic teve que se retratar. Ao fazer uma homenagem ao Dia Nacional da Mulher, a empresa dizia “pareça uma menina, aja como uma dama, pense como um homem, trabalhe como um chefe”. No entanto, a mensagem não agradou e o resultado foi a retirada do anúncio da rede social.

A ativista feminista Caroline Criado Perez expressou sua indignação com a campanha da Bic no Twitter: “O que é isto?”, disse. “Sério? ‘pense como um homem?”, questionou.

A princípio a Bic tentou se defender argumentando que tirou o slogan de um blog empresarial feminino, mas devido à repercussão dos fatos resolveu remover o anúncio.

“Estamos incrivelmente tristes por ofendermos todos. Nunca foi nossa intenção, mas entendemos plenamente no que erramos”, escreveu a Bic em sua página sul-africana no Facebook.

E este não foi o primeiro episódio de sexismo em que a BIC se envolveu. Em 2012, o lançamento de uma caneta rosa “para ela” foi alvo de críticas por aderir a estereótipos ultrapassados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.