Refugiados tentam entrar na Europa Ocidental pela Croácia

A Croácia é o novo destino dos refugiados que tentam entrar na Europa Ocidental. Antes do fechamento da fronteira húngara, os imigrantes bloqueados na Sérvia começaram a procurar caminhos alternativos. As informações são do jornal El País.

Segundo o jornal espanhol, na manhã de quarta-feira (16/9), os primeiros ônibus com refugiados chegaram à cidade de Sid, na Sérvia, perto da fronteira com a Croácia.

O país, por outro lado, colocou cerca de 6 mil soldados nas suas fronteiras externas, para controlar e ajudar na jornada dos refugiados. Segundo o premiê da Croácia, Zoran Milanovic, os imigrantes autorizados a atravessar e continuar a jornada para a Europa Ocidental.

“A Croácia está inteiramente pronta para receber ou direcionar estas pessoas para onde elas querem ir, que obviamente é a Alemanha ou países escandinavos”, salientou Milanovic ao Parlamento.

Nesta terça-feira (15), as autoridades húngaras prenderam 366 refugiados que tentavam entrar no país ilegalmente pela fronteira com a Sérvia. Antes, a Hungria já tinha recebido milhares de pessoas diariamente.

O governo húngaro declarou “estado de crise” em duas províncias que fazem fronteira com a Sérvia. Ação foi tomada após a entrada em massa de imigrantes no país, explicou o porta-voz do governo, Zoltán Kovács.

Aústria

Na Áustria, afirma o El País, as forças de segurança colocaram bloqueios  em três passagens de com a Hungria, que deverão ser estendidos para outros dez locais.

A polícia austríaca recrutou ainda centenas de soldados do exército federal para controlarem a área de fronteira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carla Machado

Carla Machado

Jornalista com experiência em assessoria de imprensa, onde trabalhou na produção de conteúdo interno e externo e no atendimento à imprensa, e em jornal, revista e site, nos quais foi repórter. No dia 22 de maio de 2014, recebeu o prêmio Paulo Octavio de Jornalismo, pela categoria Melhor Série de Reportagem, com a série #Brasíliaquerandar, do Jornal de Brasília.