Canonização de Madre Teresa é marcada para o dia 4 de setembro

A cerimônia de canonização da Madre Teresa ocorrerá no dia 4 de setembro. O anúncio da data foi feito nesta terça-feira (4) pelo Papa Francisco.

Madre Teresa morreu em 1997 aos 97 anos e era conhecida como “santa das sarjetas”. Ela foi beatificada pelo Papa João Paulo em 2003.

Segundo o Vaticano, o Pontífice abriu caminho para a canonização após aprovar um decreto reconhecendo um milagre atribuído à religiosa: a cura inexplicável de um homem que tinha múltiplos tumores no cérebro.

Entenda

De acordo com informações do jornal dos bispos italianos “Avvenire”, que já havia adiantado nesta quinta a canonização, o homem curado por Madre Teresa é um brasileiro que estava quase morrendo. Ele se recuperou em 2008. O milagre aconteceu na diocese de Santos, em São Paulo.

Era um caso extremamente crítico, com prognóstico terminal e sem reação às terapias realizadas. De repente, sem necessitar de cirurgia, o homem se curou.

História
Madre Teresa de Calcutá (1910-1997), que nasceu em uma família albanesa na Macedônia, fundou sua própria congregação em 1950, as Missionárias da Caridade, e se dedicou durante mais de 40 anos aos desvalidos, especialmente na cidade indiana de Calcutá. Em 1979, ela ganhou o Prêmio Nobel da Paz em 1979.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.