Estudo alerta para os perigos de compensar exageros com produtos diet

Existe uma compensação na hora de comer quando falamos de bebida diet, exagera-se no sanduiche ou mesmo comendo um pouquinho a mais de carboidrato. Esse extra, além de ser carregado de açúcar, sódio, gordura e/ou colesterol pode ameaçar a saúde e dieta. Um estudo realizado com 22 mil pessoas durante 10 anos, na universidade de Illinois, nos Estados Unidos, alerta sobre a conduta neste tipo de compensação na alimentação.

Os participantes dos estudos relatavam o que consumiam nos dois dias anteriores a entrevista, segundo eles, o consumo de produtos classificados pelos cientistas como discricionários, somava em média um total de 482 calorias. Fazem parte desse grupo: biscoitos, sorvetes, chocolates, batatas fritas e doces, caracterizados pela pobreza nutricional.

Dentre os participantes que optavam por porções discricionárias, estavam principalmente as pessoas que também ingeriam mais bebidas diet. “Poder que, para se sentirem satisfeitas, elas se sintam compelidas a comer mais alimentos de alto teor calórico”, cogita Ruopeng An, professor da univesidade norte-americana e líder do estudo.

Alerta

O professor Ruopeng An, informa que trocar a bebida a base de açúcar por bebida diet, não é uma boa escolha nutricional.

“Se as pessoas simplesmente substituírem, podem não ter o efeito pretendido porque há o risco de elas passaram a comer essas calorias extras, em vez de tomá-las”, alerta An. “Nós recomendamos que os indivíduos documentem cuidadosamente a ingestão calórica de ambas as bebidas e dos alimentos discricionários porque todos adicionam calorias — e, possivelmente, peso — para o corpo.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.