Justiça nega indenização à Suzane Von Richthofen

Uma decisão do Tribunal de Justiça nega pedido de indenização por danos morais feito por Suzane Von Richthofen contra o Estado.

Suzane foi condenada a 39 anos de prisão por ter participado da morte dos pais em 2002. Na ação, ela alega que em junho de 2005, a diretora da unidade onde ela estava (no Centro de Ressocialização Feminino de Rio Claro) teria obrigado a aparecer aos jornalistas, o que resultou em danos à sua imagem.

Suzane afirmou que, ao ser solta para aguardar o julgamento em liberdade, foi filmada e fotografada depois de ter sido ameaçada pela diretora do estabelecimento.

Contudo, na decisão, o desembargador Ricardo Feitosa, alega que ainda que a denúncia de fosse verdadeira “não é possível que sua imagem tenha sofrido em virtude das fotografias e filmagens abalo maior do que aquele decorrente da gravíssima situação em que espontaneamente se envolveu”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.