Papa inicia sua viagem apostólica em Cuba

O papa Francisco saiu da Itália e chega a Havana, em Cuba, neste sábado (19). O Pontífice vai iniciar sua viagem apostólica de três dias pela ilha caribenha. Ele viajou para o país em um Airbus A330-200 chamado de “Raffaello Sanzio”. Sua chegada é esperada às 16h em Havana. Depois, Francisco vai para os Estados Unidos.

Sempre sorrindo, antes de subir no avião, o Papa Francisco cumprimentou um a um os tripulantes e, por último, saudou todos os que estavam aguardando o embarque do líder da Igreja Católica.

Antes de chegar ao aeroporto, a família síria que está hospedada na paróquia de Sant’Ana, no Vaticano, agradeceu pessoal ao Papa Francisco por sua hospitalidade.

“Movido pelo desejo de encontrar meus irmãos na fé e os habitantes destas nações, me sinto grato por dirigir-me ao senhor presidente e a todo o povo italiano. A expressão dos meus melhores sentimentos que acompanho com cordiais desejos de paz e prosperidade”, escreveu o Papa antes de deixar a Itália.

Visita por Cuba

Ao chegar à capital cubana, o Papa enfrentará o calor do país. Lá, a missão do Pontífice terá três dias intensos, entre 19 e 22, nos quais ele tem programadas três missas: uma em Havana, outra em Holguín e a última em Santiago de Cuba.

Em Cuba, a expectativa é da presença maciça de católicos. E até outros cubanos não crentes devem também ser impulsionados pela simpatia do Pontífice.

Personalidades de todo o continente afirmaram que estarão em Havana para recepcionar o Papa, entre eles, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner e o do Equador, Rafael Corrêa.

Discurso

Durante a visita tanto em Cuba como nos EUA, o Papa de falar sobre o embargo comercial norte-americano, que impede o desenvolvimento das relações econômicas bilaterais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.