Principais noticias dos jornais nacionais de Quinta feira 27 de Abril de 2017

Manchete do jornal O Globo: Governo obtém vitória na reforma trabalhista

Manchete do jornal Folha de S.Paulo: Câmara aprova projeto que flexibiliza lei trabalhista

Manchete do jornal O Estado de S.Paulo: Câmara aprova texto principal da reforma trabalhista

Manchete do jornal Valor Econômico: Câmara aprova reforma trabalhista

 

Projeto de reforma trabalhista é aprovado na Câmara dos Deputados é a manchete do caderno de economia do Estadão

Depois de um grande esforço do governo para manter uma votação expressiva, a reforma trabalhista foi aprovada no plenário da Câmara na noite de ontem por 296 votos a favor e 177 contra. Foram dez horas de sessão até o resultado final, recebido com alívio pelo Planalto. O presidente Michel Temer, que acompanhou pela televisão, de seu gabinete, todo o processo, comemorou. “Vamos em frente e agora com mais entusiasmo”, disse, assim que foi anunciada a aprovação.

Na madrugada, os deputados ainda votariam destaques que poderiam mudar alguns pontos do texto-base, como, por exemplo, o fim do imposto sindical, que consta do projeto aprovado. Depois disso, o texto ainda terá de passar pelo Senado.

http://equilibreanalises.com.br/noticias/reforma-trabalhista/2017/04/27/projeto-de-reforma-trabalhista-e-aprovado-na-camara-dos-deputados-e-a-manchete-do-caderno-de-economia-do-estadao

 

Governo tenta ganhar tempo para dobrar oposição a nova Previdência é a manchete do caderno de economia da Folha

Ciente de que ainda está longe dos 308 votos necessários para aprovar a reforma da Previdência na Câmara, o governo já trabalha com a possibilidade de votá-la em plenário somente em junho.

Apesar de o Planalto acreditar que tem votos suficientes para aprovação na comissão especial que discute o tema, a contagem mostra apenas cerca de 150 votos seguramente a favor no plenário.

Até o início desta semana, o presidente Michel Temer esperava aprovar na Casa as mudanças em maio. Confirmado esse atraso, a expectativa é que a votação no Senado fique só para setembro.

O núcleo político do governo informou ao Ministério da Fazenda que, diante das recentes dificuldades em votações menos polêmicas, é preciso se adequar à realidade. Na sua avaliação, o cronograma da reforma pode mudar.

http://equilibreanalises.com.br/noticias/reforma-da-previdencia/2017/04/27/governo-tenta-ganhar-tempo-para-dobrar-oposicao-a-nova-previdencia-e-a-manchete-do-caderno-de-economia-da-folha

 

Sob pressão, Senado aprova lei do abuso com apoio da Lava-Jato, diz O Globo

Depois de forte pressão, procuradores, investigadores e juízes, especialmente aqueles que atuam na Operação Lava-Jato, obtiveram vitória no plenário do Senado, com aprovação das mudanças na lei que trata do crime de abuso de autoridade. O relator do projeto, senador Roberto Requião (PMDB-PR), retirou do texto aprovado ontem os dois pontos mais controversos: a possibilidade do crime de interpretação e a flexibilização do dispositivo que permite aos acusados processar as autoridades quando se sentirem ofendidos ou vítimas de abuso na instrução processual. A proposta foi aprovada por 54 votos a favor e 19 contra. Agora começa a tramitação na Câmara.

Ao final de muita polêmica, com direito a uma reunião que varou a madrugada na casa do presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), o plenário da Casa aprovou o texto que estabelece as novas penalidades para crimes de abuso de autoridade nos três poderes.

http://equilibreanalises.com.br/noticias/abuso-autoridade/2017/04/27/sob-pressao-senado-aprova-lei-do-abuso-com-apoio-da-lava-jato-diz-o-globo

 

Para visualizar todas a noticias dos jornais nacionais, visite a pagina do site Equilibre Analises

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Redação Brasil News

Redação Brasil News

Principais noticias politicas e economicas do Brasil, com analises de uma equipe de jornalistas e escritores independentes.