Grande Barreira de Corais será protegida, promete governo da Austrália

Depois de apresentar plano de conservação de 35 anos para a Grande Barreira de Corais no dia 21 de Junho, a Austrália foi parabenizada pelos 21 países que compõem o Comitê do Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas (Unesco). Eles estiveram reunidos em Bonn, na Alemanha, e decidiram não incluir o local na lista de Patrimônios em Perigo. Na avaliação dos membros, o país ouviu as preocupações expressas ainda em 2013 e tomou atitudes importantes.

O plano de proteção proíbe de forma total e definitiva qualquer lançamento de rejeitos de dragagem. A Austrália também fixa metas para a melhora da qualidade da água e de proteção da vida marinha.

A Grande Barreira é “um dos emblemas da Austrália”, disse o ministro do Ambiente australiano, Greg Hunt. O ecossistema é uma das principais atrações do país: ela atrai dois milhões de turistas a cada ano É também um local excepcional para os pesquisadores do meio ambiente.

Localizada no nordeste da ilha continente, ela é tão grande quanto a Itália, com seu 2.300 quilômetros de comprimento. É o maior coral do mundo todo, com mais de 400 espécies de corais, mais de 1500 espécies de peixes e 133 espécies de tubarões e raias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pierre Pichoff

Escritor, colabora para diversos veículos de comunicação no Brasil, como O Estado do Maranhão e o Matheus Leitão News.