Lobista Fernando Baiano fecha acordo para delação premiada

Um dos nomes mais citados na Operação Lava Jato, o do lobista Fernando Soares, o Baiano, finalmente entrou em acordo com o Ministério Público Federal e vai colaboração nas investigações por meio da delação premiada.

O acerto, feito com procuradores da República, determina que Baiano detalhe oito operações diferentes que fez envolvendo ilegalidades com a Petrobras. A expectativa do órgão, diante da delação, é confirmar, entre outras suspeitas, a de que o presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) recebeu US$ 5 milhões em propina. O parlamentar nega as informações.

Agora, Baiano teria se comprometido a entregar comprovantes de transações bancárias feitas em contas na Suíça. O lobista foi condenado em Agosto a 16 anos de reclusão. Ele está preso desde novembro do ano passado em Curitiba.

Nesta quarta-feira (9), o lobista prestou depoimentos à Polícia Federal. Ele é apontado pelos investigadores como peça-chave da engrenagem de corrupção dentro da Petrobras.

Histórico

As negociações para o acerto de delação premiada do lobista se arrastaram por mais de seis meses. Nas últimas semanas, ele trocou de advogados. Seu novo defensor é Sergio Riera. Os antigos eram radicalmente contra o acordo.

Ao todo, mais de 50 políticos, entre parlamentares, senadores, governadores e ex-deputados são investigados na Operação Lava Jato.

No mesmo processo em que Baiano foi condenado, o ex-diretor Internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, pegou 12 anos e 3 meses de prisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carla Machado

Carla Machado

Jornalista com experiência em assessoria de imprensa, onde trabalhou na produção de conteúdo interno e externo e no atendimento à imprensa, e em jornal, revista e site, nos quais foi repórter. No dia 22 de maio de 2014, recebeu o prêmio Paulo Octavio de Jornalismo, pela categoria Melhor Série de Reportagem, com a série #Brasíliaquerandar, do Jornal de Brasília.